Você está aqui: Página Inicial

Apresentação

Programa Eleitor do Futuro

O programa Eleitor do Futuro, idealizado pelo Ministro Sálvio de Figueiredo Teixeira, quando Corregedor do Tribunal Superior Eleitoral foi proposto no Colégio de Corregedores dos Tribunais Eleitorais do Brasil, presidido à época pelo Des. Mauro Campello, e de pronto, aceito e implementado por alguns Estados da Federação.

Sua finalidade é ampliar, capacitar e mobilizar o contingente de jovens eleitores do país para o exercício livre, consciente e responsável do direito de votar, preparando-os especialmente para assumir e decidir os rumos da nação.  

De acordo com dados estatísticos oriundos de diferentes institutos, dentre eles o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o Brasil é um país eminentemente jovem. Para se ter uma ideia, em 1999, a população compreendida na faixa etária de 07 (sete) a 14 (quatorze) anos de idade somava o expressivo contingente de 26 milhões e 200 mil jovens.

O grande desafio do projeto Eleitor do Futuro é despertar e resgatar a cidadania por meio de aulas, palestras, concursos de redação e atividades pedagógicas referentes ao tema processo eleitoral, no intuito de consolidar e aprimorar a inclusão política desses jovens.

A promoção da cidadania, como implementação do art. 3º da Constituição Federal vai permitir que a vontade soberana e democrática do povo prevaleça, contribuindo, de fato, para a construção de uma sociedade livre, justa e solidária, no futuro próximo.

 

PATRULHA ELEITORAL 2021

O Projeto Patrulha Eleitoral em sua versão "on-line" está cheio de novidades. Venha conferir!!!

É uma ação vinculada ao Programa Eleitor do Futuro, iniciada em 2006, com o objetivo de estimular os jovens a participarem do processo eleitoral. Promove uma capacitação sobre a legislação eleitoral de forma a possibilitar a fiscalização efetiva das eleições, mais enfaticamente na fiscalização da propaganda eleitoral de rua e condutas vedadas a agentes públicos, propaganda nas redes sociais e desinformação.

Ainda como parte da proposta, nos anos eleitorais os patrulheiros tem livre acesso aos trabalhos eleitorais desenvolvidos dentro do TRE, acompanhando as sessões plenárias, treinamento dos mesários, votação paralela, carga e lacração das urnas, auxílio à comissão de acessibilidade dentre outras atividades nos dias das eleições.

As Escolas interessadas em levar o Programa aos seus alunos, poderão agendar palestras de sensibilização, ou atividade online a ser agendada diretamente com os Cartórios Eleitorais e/ou Escola Judiciária Eleitoral.

Para participar é muito simples:

1 - Os interessados devem ter idade mínima de 15 anos e estar regularmente matriculados em escolas de ensino médio ou em instituição de ensino superior.

2 - As inscrições podem ser feitas link a seguir.  

Inscrição para a Patrulha Eleitoral 2021